CRAS amplia as atividades em 2017 para crianças e adolescentes

“A dança como expressão de emoção, sentimento e afetividade. A dança como um método educativo que desperta valores como o respeito, a amizade e a cordialidade. A dança na relação de gênero construindo laços e hábitos saudáveis. Incluindo, fortalecendo e gerando novos espaços de participação na comunidade. A dança como um novo jeito de ser e de se expressar na sociedade”.
Com este pensamento, o CRAS iniciou, em 2017, a oficina de dança de salão, querendo despertar uma nova geração de jovens que dançam, se divertem de forma sadia e respeitosa, que desperte as potencialidades e experiências positivas na formação do caráter das crianças e adolescentes.
A pedido de muitas crianças que participam do CRAS, a Secretaria de Assistência Social está oferecendo aulas de dança de salão gaúcha nas terças e quintas-feiras na parte da manhã e terças-feiras à tarde. São mais de 70 crianças que participam da aula coordenada pelo estagiário de Educação Física Bruno De Maman. As aulas também são estendidas aos grupos de idosos que demonstrarem interesse. 
- O CRAS sempre prezou pela qualidade dos serviços prestados com profissionais comprometidos e um atendimento de qualidade – frisa a Assistente Social Márcia Garibotti.
Bruno também ministra aulas de xadrez, nos mesmos dias da aula de dança. 
As atividades de ginástica de trampolim foram ampliadas esse ano para mais 43 crianças do turno inverso da escola, da faixa etária de seis a nove anos. Para isso foi ampliado a carga horária do professor Minoru Otsuka para atender ao pedido de muitos pais e da comunidade. 
Uma nova psicóloga, Fabrine Taffarel, também foi contratada para atender ao grupo de adolescentes de 15 a 18 anos nas atividades de teatro e educação preventiva, que são atendidos nas segundas-feiras à tarde; crianças e adolescentes que são atendidos nas terças-feiras de manhã e à tarde no turno inverso da escola.
No resumo geral os serviços de convivência e fortalecimento de vínculos oferecidos atualmente pelo CRAS no turno inverso da escola corresponde a 
47 crianças de 6 a 9 anos,
36 crianças e adolescentes de 10 a 14 anos,
12 adolescentes de 15 a 18 anos
No total, 95 crianças e adolescentes são atendidos semanalmente no CRAS.
  
 

Compartilhe

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google BookmarksCompartilhar no TwitterCompartilhar no LinkedIn
Você está aqui: Principal Notícias Geral CRAS amplia as atividades em 2017 para crianças e adolescentes